Informação sobre vitiligo, causas, sintomas e tratamento do vitiligo, identificando o seu diagnóstico e fornecendo informação importante sobre esta patologia, com dicas que possam permitir a cada pessoa minimizar o impacto psicológico do vitiligo.


Manifestações clínicas do vitiligo

O vitiligo caracteriza-se pela presença de máculas acrômicas, com diagnostico clinico fácil na maioria dos casos.  O seu diagnóstico diferencial inclui outras dermatoses que evoluem com diminuição total ou parcial da pigmentação como o nevo acrômico, albinoidismo, piebaldismo, hipomelanose de Ito, pitiríase versicolor, pitiríase alba, líquen escleroso e atrófico, e hanseníase.
A doença não leva à incapacidade funcional, mas causa grande impacto psicossocial. Pode ser desfigurante, influindo negativamente na auto-estima e na qualidade de vida dos pacientes, sobretudo nos casos extensos e em pessoas de pele escura, devido ao grande contraste entre a cor da pele e o vitiligo na pele circundante normal.

Queixas de pacientes com vitiligo

Há queixas de discriminação social, sendo que, muitas vezes, os portadores de vitiligo chegam a ser estigmatizados. Em algumas culturas o vitiligo é confundido com doenças contagiosas como a hanseníase, e a perda de pigmento pode ser vista pelos pacientes como uma ameaça à identidade racial.
ACOMPANHE OS ARTIGOS DO BLOG NO SEU EMAIL